Neste artigo você vai entender qual é a importância dos projetos complementares.

Costumamos repetir aqui que tudo começa com um bom projeto. Afinal, depois de você passar pela fase de planejamento e depois de adquirir o seu terreno, a primeira coisa a se fazer é ter o projeto em mãos para ser a projeção e o guia da sua casa pronta.

Os projetos essenciais para uma construção segura, econômica e sem dores de cabeça são: projeto arquitetônico, projeto estrutural, projeto elétrico, projeto hidrossanitário e design de interiores.

A 123Projetei trabalha com todas essas disciplinas de forma compatibilizada. Resumindo, ter esses projetos compatibilizados significa que não haverá interferências um sobre o outro. Ou seja, não vai correr o risco de ter uma viga passando por um encanamento.

Aqui nesta matéria, vamos focar especificamente nos projetos complementares: estrutural, elétrico, hidrossanitário e design.

Projeto Estrutural:

Basicamente o projeto estrutural vai ser a análise mais técnica no processo de desenvolvimento do projeto para uma construção. Como o nome já diz, ele definirá a estrutura da residência. Nele, serão abordados todos os elementos necessários para sustentação dessa estrutura. Isso pode incluir fundações, pilares, lajes, vigas, e diversos outros elementos que são responsáveis pela segurança da casa.

O principal objetivo do projeto estrutural é garantir que a casa, segundo as normas regulamentadoras regentes no Brasil, cumpra todos os requisitos em relação à segurança e durabilidade das estruturas, isto vai ocasionar diretamente também numa diminuição de custos com manutenção da casa e gastos com materiais durante a construção.

Os itens inclusos no projeto estrutural são:

  • Dimensionamento de armaduras para a fundação (mediante SPT)
  • Dimensionamento de armaduras para as lajes
  • Dimensionamento de armaduras para as vigas
  • Dimensionamento de armaduras para os pilares
  • Planta de fôrmas
  • Planta de armaduras
  • Planta de locação das fundações
  • Planta de locação de pilares
  • Lista de quantitativo de materiais

IMPORTÂNCIA DO PROJETO ESTRUTURAL

1 – SEGURANÇA: O principal objetivo do projeto estrutural é garantir que a casa, segundo as normas regulamentadoras regentes no Brasil, cumpra todos os requisitos em relação à segurança e durabilidade das estruturas; isto refletirá diretamente também numa diminuição de custos com manutenção da casa e gastos com materiais durante a construção.

2 – DIMENSIONAMENTO CORRETO DAS ESTRUTURAS: Uma estrutura superdimensionada ou

subdimensionada pode acarretar problemas futuros na estrutura da edificação, como trincas nos revestimentos, no teto e nas paredes e, em uma proporção maior, isso pode ocasionar até mesmo rupturas da estrutura e desabamentos, mas com um projeto estrutural em mãos, isso não acontecerá.

3 – ECONOMIA: O projeto estrutural delimita o uso de materiais de acordo com o que foi calculado pelo engenheiro e arquiteto para a conclusão da obra. Dessa maneira, o controle é mais rígido, há economia no uso de materiais e o cliente só compra o que realmente vai usar, evitando desperdício de materiais com compras excessivas, além disso, a produtividade é alinhada com os objetivos de cada etapa da obra.

Além disso vamos evitar os seguintes problemas:

  • Estrutura superdimensionada ou subdimensionada;
  • Falta de segurança da edificação para seus usuários;
  • Gastos a mais com materiais;
  • Gastos desnecessários consertando rachaduras nas paredes;
  • Dificuldade na execução do projeto arquitetônico.

 

projeto-estrutural

Projeto Elétrico:

O projeto elétrico é a representação gráfica e detalhada das instalações elétricas da sua construção. Ele é responsável por dimensionar e quantificar toda a instalação elétrica, determinando onde estarão todos os pontos de tomada e iluminação, o trajeto dos conduítes, a divisão dos circuitos e dimensionamento todo o projeto, tudo isso levando em conta as normas vigentes.

Além disso, com o projeto elétrico, os dimensionamentos de condutores são feitos analisando as demandas de cada cliente, então você também tem uma diminuição significativa das chances de ocorrer uma sobrecarga de energia, evitando que os disjuntores desarmem e você fique sem energia elétrica.

Está incluso no Projeto Elétrico:

  • Cálculo de distribuição de cargas
  • Esquema de instalação especificando diâmetros e áreas das seções
  • Pontos de tomadas
  • Interruptores
  • Lâmpadas
  • TUG’s e TUE’s
  • Quadro de distribuição
  • Dimensionamento de disjuntores
  • Lista de quantitativo de materiais

IMPORTÂNCIA DO PROJETO ELÉTRICO

1 – INSTALAÇÃO CORRETA: Com o projeto elétrico você tem a garantia de que sua casa estará com as instalações corretas, evitando possíveis quedas de energia vindo do desligamento de chaves no quadro geral.

2 – CONFORTO: Com o projeto elétrico, é possível prever as necessidades que a casa poderá ter, e dimensionar os circuitos para atender essa demanda. Na prática, você terá mais conforto e não terá a necessidade de usar os famosos “T’s” ou “Benjamin’s” e extensões para conseguir ligar algum aparelho nas suas tomadas.

3 – CUSTO: Muitas casas possuem apenas um circuito, sendo ele de 127 ou 220 Volts, o que faz com que os moradores utilizem transformadores dentro de casa para adaptar a tensão da linha aos seus equipamentos. Porém, ao utilizar os autotransformadores que são encontrados facilmente no mercado, surgem dois problemas importantes e que não devem ser deixados de lado.

O primeiro é que o transformador sempre terá perdas. O segundo problema é que estes autotransformadores normalmente têm uma restrição. Muitos deles oferecem uma transformação de tensão de 1:2 (de 110V para 220V), ou vice-versa.

Com o projeto elétrico, é possível analisar a possibilidade de instalação de circuitos 127V ou 220V, e adaptar as tomadas para que não haja a necessidade de utilizar transformadores dentro da sua casa.

 

Além disso, vamos evitar os seguintes problemas:

  • Número de tomadas insuficientes;
  • Circuitos superdimensionado ou subdimensionado;
  • Aumento na conta de energia elétrica;
  • Instalações desconformes as normas vigentes;

Projeto Hidrossanitário:

O projeto hidrossanitário tem como objetivo dimensionar e posicionar todo e qualquer elemento que seja responsável pelo transporte de águas na sua casa. Isso inclui desde as tubulações que estarão presentes dentro das paredes, até as caixas d’água, caixas de gordura e demais elementos como cisternas, caixas de passagem e afins.

Porém um projeto hidrossanitário não se resume apenas ao posicionamento dos elementos. A partir dele, é possível evitar problemas como o mau cheiro, vazamentos, infiltrações e diversos outros fatores, simplesmente adotando medidas que somente um profissional especializado pode instruir a partir de uma análise.

Itens inclusos no projeto hidrossanitário:

  • Esquema de abastecimento e distribuição de água fria
  • Dimensionamento e esquema de coleta de água marrom
  • Dimensionamento e esquema de coleta de água cinza
  • Dimensionamento e esquema de coleta de água pluvial
  • Locação de caixas de coleta
  • Locação de caixas de passagem
  • Lista de quantitativo de materiais.

IMPORTÂNCIA DO PROJETO HIDROSSANITÁRIO

1 – ECONOMIA: Ao fazer um projeto hidrossanitário, no qual é feito um planejamento e análise das tubulações, pressões e saídas na obra, a economia chega a ser de 20% em relação a você permitir que o encanador faça tudo na durante a obra.

2 – FACILITA A MANUTENÇÃO: Todo projeto precisa de manutenções depois de um certo tempo, mas estas manutenções se tornam menos frequentes quando a construção foi feita seguindo um projeto adequado. Agora, como você fará uma manutenção do projeto hidrossanitário se não possui o projeto e não sabe onde passam as tubulações?

Com o projeto hidrossanitário você saberá a localização de todas as tubulações e vai evitar o “quebra quebra” em lugares errados de sua casa. Aliás, muitas vezes nem precisa quebrar nada, porque com um projeto bem pensado, as tubulações são passadas pelos shas.

3 – FACILITA REFORMAS E AMPLIAÇÕES: Já pensou se você quiser reformar sua casa? Adicionar uma suíte? Um banheiro?

O projeto hidrossanitário é feito pensando em qualquer tipo de reforma. Já tendo os conhecimentos de onde passam as tubulações hidráulicas, a obra pode ser feita da forma mais otimizada e barata possível. Além disso, previne desalinhamento de tubulações ou rompimento dessas pela pressão, tensionamento ou aperto excessivo depois da reforma, que ocasionariam em mais gastos.

Além disso, vamos evitar os seguintes problemas:

  • Retorno de gases fétidos devido a instalações
  • inadequadas de esgoto;
  • Invasão da água fria nas tubulações de água quente;
  • Vazamentos e Infiltrações;
  • Pressão e vazão de água insuficiente para os aparelhos sanitários.
projetos de casas
Clique na imagem e acesse nosso site para conferir dezenas de projetos

Design de interiores:

O design de interiores é uma disciplina inclusa nos projetos residenciais e de empreendimento. Muito podem achar o design não é um projeto essencial para a casa, mas falam isso por não conhecer a verdadeira importância dele.

Assim como os projetos complementares: elétrico, hidrossanitário e estrutural, o projeto de interiores também serve como um complemento para o Projeto Arquitetônico. Dessa forma, garantindo mais segurança e qualidade na execução do teu projeto.

Ele é fundamental para criar ambientes funcionais e de uma estética agradável aos moradores. Os profissionais dessa área, planejam e organizam os diversos elementos internos do projeto. Combinam móveis, objetos de decoração, cores, texturas, pisos, iluminação etc. Como resultado, teremos ambientes harmônicos no visual e na parte técnica.

Ele é tão importante que aqui na 123Projetei, quando o cliente adquire o pacote completo conosco, com todos os projetos – arquitetônico, estrutural, elétrico, hidrossanitário e design de interiores -, realizamos o projeto de design antes do elétrico e hidro. Para garantir uma melhor compatibilização.

Quando o projeto não há design de interiores, fica mais difícil de prever a posição correta de todos os elementos de iluminação, tomadas e encanamentos. O projeto acaba sendo feito por regras padrão, sem personalização. Se você decidir, por exemplo, colocar uma ilha central com pia na sua cozinha durante o processo de criação do design de interiores, vamos precisar adequar isso depois no projeto hidrossanitário. Afinal, a tubulação vai precisar chegar no meio do cômodo.

Está incluso no design de interiores:

  • Briefing completo do Ambiente
  • Planta de layout
  • Lista de onde comprar
  • Planta de cotas gerais
  • Lista de Compras
  • Detalhamento de Marcenaria

IMPORTÂNCIA DO DESIGN DE INTERIORES

1 – APROVEITAMENTO DO ESPAÇO: cada centímetro é pensado, planejado e aproveitado no design de interiores. Para isso ele pode usar móveis planejados ou não, depende da necessidade do cliente.

2 – VISUAL AGRADÁVEL: O design de interiores é fundamental para criar ambientes funcionais e de uma estética agradável aos moradores. Os profissionais dessa área, planejam e organizam os diversos elementos internos do projeto. Combinam móveis, objetos de decoração, cores, texturas, pisos, iluminação etc. Como resultado, teremos ambientes harmônicos no visual e na parte técnica.

3 – ESCONDER INSTALAÇÕES: Uma das funções do design de interiores é planejar e organizar todas as necessidades do espaço disponível, englobando questões de iluminação, elétrica e hidráulica, cartela de cores, revestimentos e mobília. Tubos poderão ser escondidos com um revestimento, assim como instalações no teto, através de um forro.

Além disso, vamos evitar os seguintes problemas:

  • Mal aproveitamento do espaço;
  • Dificuldade em decorar os ambientes;
  • Dificuldade de utilizar cores e revestimentos que não combinam;
  • Risco de comprar móveis muito grandes ou muito pequenos para o cômodo;
  • Risco de ter instalações insuficientes para luminárias.

Esperamos que este artigo tenha sido esclarecedor para você! Qualquer dúvida deixe o seu comentário.

WhatsApp

Envie para (53) 98163-7462

Telefone

Por telefone ou celular: 0800 008 0870

Chat

Fale com a nossa equipe

Monise Melo

Criadora de conteúdo e responsável pelas Mídias Sociais da 123Projetei. Graduanda de Engenharia pela Universidade Federal do Rio Grande (FURG).

Deixe uma resposta