O revestimento de parede interna é uma maneira de transformar seu ambiente. Ele garante uma boa decoração, personalidade, valoriza o seu imóvel e ainda impermeabiliza as paredes.

Diante de tantas opções no mercado, pode ser difícil decidir qual revestimento utilizar no projeto. Por isso, vamos te apresentar os principais materiais utilizados como revestimento de parede interna para que seja mais fácil a sua decisão.

Dito isso, podemos já enfatizar a importância de se ter o design de interiores para seu projeto dos sonhos. Afinal, o design de interiores garante que não haverá arrependimentos com o revestimento de parede escolhido.

Através das imagens renderizadas, que são como fotos reais, você terá a clara visão do resultado final dos cômodos da sua casa.

Mesmo havendo tantos modelos, o ponto inicial é saber se o material é adequado para aquela área que você quer revestir.

Fique atento! Muitos revestimentos podem ser uma péssima ideia para o ambiente externo, cozinha ou banheiro. Que são consideradas áreas úmidas da casa.

Revestimento de piso

O mesmo piso que você aplica no chão da sua casa, pode ser utilizado como revestimento das paredes também. A grande vantagem em fazer isso é o prolongamento do cômodo.

Essa continuidade chão-parede com o mesmo piso, trará uma sensação de amplitude para a sua casa. Muitas pessoas utilizam e fica muito bonito!

Dica: você pode economizar colocando um piso de Classe 1 para sua parede. O que seria isso? É uma classificação que vem na etiqueta do produto e os pisos de classe 1 são os recomendados para usar paredes. Geralmente são mais econômicos. O único detalhe é: você não pode em hipótese alguma colocar no chão pois eles não aguentam altas cargas.

Existem pisos de cerâmica e de porcelanato. E dentro desses itens, há mais centenas de ramificações e tipos. O interessante de ambos materiais é a capacidade de imitar muito bem outros tipos de revestimentos como: cimento queimado, madeira e pedra.

revestimento com piso
Clique e visite o projeto!

Revestimento de tinta

O revestimento com tinta continua sendo o tipo mais comum nas casas. Há uma explicação bem óbvia para isso: o resultado obtido com a tinta é mais clean e suave. 

Os ambientes de sua casa nunca ficarão com um aspecto pesado ou enjoativo. Claro, desde que a cor escolhida será mais harmônica.
Tinta é um material normalmente liquido usado para cobrir superfícies de madeira, concreto, ferro ou qualquer outro tipo de superfície, é feita com resinas, aditivos e pigmentos coloridos que dão a cor ao produto.

Ou seja, tinta pode ser usada por cima de outros revestimentos também, com finalidade de envernizar ou de mudar a cor. Por exemplo, é recomendado que o revestimento de madeira passe por verniz. E alguns clientes optam por pintar a madeira de branco. Tudo vai depender do seu estilo!

revestimento de tinta
Clique e visite o projeto!

Revestimento de pastilhas

Quando se trata de aplicar pastilhas na parede, até mesmo os modelos mais lisos são adequados. Esse tipo de revestimento parece que nunca sai de moda, é sempre renovado no mercado e cada vez mais cores e formatos aparecem. Proporcionando assim, uma gama sem fim de efeitos cromáticos.

As pastilhas de vidro são bem duráveis – para sermos mais específicos, estima-se uma durabilidade de mais de 50 anos. Elas nunca desbotam, sendo assim, recomendadas para as áreas molhadas da sua casa, como na cozinha, banheiro e lavanderia. Sendo usada até mesmo para piscinas!

Isso porque a pastilha de vidro não absorve água e não existe o risco do material se expandir e ocasionar infiltrações.

As partilhas cerâmicas são menos escorregadias e mais opacas, comparadas as pastilhas de vidro. Continuam sendo recomendadas para áreas molhadas, mas você não terá a durabilidade tão grande do outro material já citado.

Seja a pastilha de vidro, a de cerâmica, ou uma imitação, você terá uma parede lindíssima!

revestimento de pastilha
Clique e visite o projeto!

Revestimento de ladrilhos

O revestimento com ladrilhos é um tipo de revestimento mais decorativo. Ele já foi muito utilizado antigamente, hoje já não é mais devido seu uso ser mais restrito. 

O ladrilho é bem colorido e elaborado. Isso faz com que ele seja indicado para áreas menores/limitadas. Afinal, se você colocar o ladrilho em uma parede enorme pode sobrecarregar o ambiente e enjoar em pouco tempo. 

Precisamos ter ciência que o revestimento das nossas paredes não é algo que trocamos de tempos em tempos. É algo para durar e ficar por vários anos.

revestimento de ladrilho
Clique e visite o projeto!

Revestimento 3D

Quando o assunto é modernidade e inovação, pense nos revestimentos 3D. Esses revestimentos tridimensionais surgiram no mercado a muito tempo, mas apenas nos últimos anos caiu no “gosto” da população.

Trabalhar com o 3D significa ter um ambiente cheio de efeitos, combinando revestimento e móveis. Os cômodos terão movimento e volumetria. Isso tudo sem comprometer o espaço disponível no local.

Com um profissional de design de interiores fazendo o seu projeto, é possível, apenas com o revestimento 3D e uma boa iluminação, criar um grande painel decorativo que será a grande atração da sua casa.

Uma das grandes vantagens é que eles nos permitem brincas com as texturas. 

Você se considera uma pessoa artística? Aposte nesse revestimento que é dinâmico e cheio de vida!

revestimento 3d
Clique e visite o projeto!

Revestimento com cimento queimado

O cimento queimado pode ser feito a partir de uma mistura de materiais ou com produtos já prontos para uso. O cimento queimado artesanal é uma mistura de areia, cimento e água. A mistura desses materiais proporciona uma argamassa que deve ser aplicada em uma parede nivelada. 

Antes dessa massa secar, é preciso polvilhar o cimento seco sobre essa argamassa. Esse processo é o que chamamos de “queimar” o cimento. Desta forma, garantimos mais resistência e a propagação de trincas.

Depois de seco, é recomendado aplicar uma camada de resina incolor fosca para impermeabilizar e evitar que solte resíduos. 

Bom todo esse processo é muito artesanal! Isso significa que raramente você terá um revestimento de cimento queimado idêntico ao que você viu em uma foto no Pinterest. O resultado obtido vai variar através de diversos fatores: proporção de área e cimento, local, clima e mão de obra.

Ele é muito versátil e proporciona um visual industrial, rústico e até escandinavo. Depende da combinação que ele fará com os móveis e itens do cômodo que será aplicado.

cimento queimado
Clique e visite o projeto!

Revestimento de tijolinho a vista

O tijolinho a vista nunca sai de moda! Esse tipo de revestimento traz uma sensação de “lar” para a nossa casa. Além de ser muito recomendado para os clientes que querem um estilo mais rústico e de interior para o seu projeto.

O tijolinho a vista pode ter um resultado final diferente dependendo do tipo de acabamento que você escolher também, como consta no infográfico abaixo:

Você pode optar por deixar o tijolinho com aparência natural usando apenas uma resina ou verniz para proteger a parede de umidade e sujeira ou, então, pintá-la da cor da sua preferência. O branco, em especial, garante um toque contemporâneo muito bonito à parede de tijolinhos. Para um visual mais rústico com cara de casa de campo, vale a pena apostar no uso dos tijolinhos à vista com pátina.

revestimento de tijolinhos
Clique e visite o projeto!

Revestimento com papel de parede 

O papel de parede é um tipo de revestimento econômico e fácil de ser aplicado.

O papel de parede é feito com faixas – podendo ser encontradas em forma de adesivo – que possuem a mesma estampa. Pode ser floral, listas, desenho geométrico, enfim, há muitos modelos!

No mercado é comum comprar o papel de parede em formato de rolo com 50 cm de largura por 10 m de comprimento. Ou seja, teremos uma aplicação de 5m² por rolo.

papel de parede
Clique e visite o projeto!

Revestimento com pedra natural

O revestimento de pedra pode ser encontrado em diferentes formas, estilos e cores. As pedras são elementos naturais com um belo valor decorativo e traz a sensação de conforto semelhante a que o uso da madeira traz. As pedras são super resistentes e demandam pouquíssima manutenção no decorrer dos anos, valendo o investimento.

No revestimento de pedra, as pedras mais utilizadas são: pedra mineira, goiás, arenito e miracema, sendo, entre elas, a pedra mineira a mais utilizada. Em cada um destes tipos de pedra, você encontra variações de cores, sendo possível criar uma harmonização de acordo com os itens decorativos da casa. 

Se você deseja que o revestimento de pedra seja o centro das atenções da decoração, invista em luminárias e belos apetrechos de decoração, como quadros ou um belo aparador. Sua pedra será valorizada e ainda destaca o seu brilho natural.

A parede que receberá o revestimento de pedra deverá ser aquela com maior destaque no lar. A parede no hall de entrada, no painel de TV na sala, na escadaria ou em uma das paredes de fundo no quartou ou banheiro.

parede com pedras
Clique e visite o projeto!

Revestimento com madeira

A madeira é outro material extremamente versátil! Ela é usada em basicamente todos os detalhes de um projeto de arquitetura.

Falando especificamente de revestimento de madeira para paredes, proporcionam um visual bem acolhedor rústico aos moradores e pode virar um lindo painel na sua casa.

Se quiser um visual mais rústico, a dica é usar madeira de demolição. Já se preferir um design mais sofisticado, a escolha ideal são as folhas finas que podem ser feitas de materiais como MDF. Este revestimento tem cores marcantes, portanto, o recomendado é sempre manter o equilíbrio e escolher pontos específicos para a aplicação do material.

A única ressalva é em relação as áreas molhadas: neste caso escolha com cuidado o tipo de madeira ideal para não ter problemas depois. No caso dos banheiros, aplique a madeira em paredes com exposição menor a água e a umidade.

revestimento de madeira
Clique e visite o projeto!

Nesta matéria você conferiu os revestimentos mais comuns que encontramos nas paredes internas de uma residência. Como em todos os detalhes de um projeto arquitetônico, a gama de itens de materiais é enorme!

Com referências e a ajuda de um profissional, você encontrará um material que esteja de acordo com o seu orçamento e gosto pessoal. E para isso, conte com a nossa equipe de design de interiores para elaborar um projeto único que será a sua cara!

Monise Melo

Criadora de conteúdo e responsável pelas Mídias Sociais da 123Projetei. Graduanda de Engenharia pela Universidade Federal do Rio Grande (FURG).

Deixe uma resposta