• Post published:Setembro 9, 2020
  • Post category:Artigos
  • Post author:

Telhado verde: tipos, vantagens e desvantagens!

Quando pensamos em unir sustentabilidade com construção, o Telhado Verde vem como forte alternativa. Ele utiliza de recursos naturais para a construção. É bastante popular em outros países e vem conquistando também cada vez mais as famílias brasileira. Inclusive, clientes da 123Projetei!

Que dá um charme a mais, não só no seu telhado mas em toda a sua residência, isso vocês já sabem. Mas a realidade é que esse tipo de cobertura também traz ótimos benefícios ao seu dia a dia, que trataremos a seguir.

Mas, antes de tudo, o que é um Telhado Verde?

O telhado verde, também conhecido como telhado jardim, cobertura verde ou teto verde, nada mais é do que um telhado com forração natural. Ele cobre toda a extensão do imóvel, podendo ser aplicado tanto em casas como em prédios.

Depois das placas solares, ele é com certeza a maior referência quando falamos de arquitetura sustentável no mundo. Sendo assim, uma alternativa eficiente e menos ofensiva ao meio ambiente que traz benefícios tanto para a família que viverá no imóvel, quanto para os moradores do entorno da construção.

Além de tornar útil um espaço que normalmente não seria utilizado com um fim específico. Olha só um exemplo:

telhado verde

Quais são as vantagens de ter um telhado verde?

  • Maior conforto térmico, evitando que o calor se acumule na residência;

  • Permite a retenção de água da chuva para reuso;

  • Diminuindo a entrada de barulhos externos, aumenta o isolamento acústico do ambiente;

  • Contribui para a filtragem do ar, amenizando a poluição;

  • Regula a umidade do ar ao redor do edifício;

  • Protege o telhado contra intempéries, diminuindo a necessidade de manutenção;

  • Ajuda a combater os efeitos da Ilha de Calor nas grandes cidades;

  • Trás mais vegetação às cidades, o que é importante principalmente para as cidades mais urbanas.

 

Viram só? Além de deixar a sua casa com estilo único, traz diversos benefícios tanto à você e os demais moradores da casa, quanto para todo o entorno!

 

Mas, como nem tudo são flores, te mostraremos também algumas desvantagens.

 

Desvantagens:

  • Ao optar pelo Telhado Verde, você terá de início um maior custo em sua construção do que se fosse executar um telhado tradicional. Como existem mais etapas e mais materiais a serem utilizados, a estrutura criada precisa ser mais resistente. Portanto, encarecerá o processo;

  • Manutenção: para que sua estrutura se mantenha saudável e com uma boa aparência, periodicamente o seu telhado verde precisará passar por manutenções;

  • Estrutura: o ideal é que o telhado verde seja pensado já na fase do projeto, assim conseguiremos fazer uma estrutura resistente para ele. Ao implantar em uma estrutura já existente, podem surgir alguns problemas, então deve-se analisar com cuidado a edificação;

  • Cuidados com incêndio: visto que a vegetação é algo inflamável, se não for pensado com cuidado com o seu engenheiro e arquiteto para que não haja problemas;

  • Mão de obra especializada: como citado no início desta matéria, o telhado verde ainda está conquistando o seu espaço aqui no Brasil, por isso, pode ser mais difícil – e mais caro! – encontrar um profissional que execute o serviço.

Mesmo com essa lista de desvantagens que te apresentamos, possuir um telhado verde ainda compensa muito em relação à custo e benefício. Afinal, ele valoriza o meio ambiente e pode durar o dobro que um telhado convencional, apenas fazendo as manutenções periodicamente.

Como comentamos da estrutura do telhado verde mais acima, te mostraremos uma ilustração para você entender melhor quais são as camadas que mencionamos:

Tipos de Telhado Verde

Existem dois tipos básicos de coberturas verdes: as extensivas e as intensivas.

 

  1. Coberturas verdes extensivas são mais simples e resistentes. Utilizam-se de uma pequena camada de substrato, desta forma não suportando plantio mais adensado e transferindo menos carga para a estrutura. Desta forma, os custos são menores do que o tipo intensivo.⠀
  2. As coberturas verdes intensivas tem um custo mais elevado comparado com as extensivas. Requerem mais cuidados, como sistemas de irrigação, contudo suportam espécies de maior porte. Essas coberturas têm o solo mais profundo que as extensivas e com frequência apresentam os mesmos tipos de tratamento paisagístico que os jardins da casa por costumar incluir plantas maiores e árvores.

Agora que você já conhece tudo, vamos ver alguns projetos da 123Projetei que possuem esse diferencial:

Esse é o projeto #245, onde o telhado verde fica em evidência também na fachada, dando um toque único e diferencial.

O próximo projeto, também disponível em nosso Site, é o #434, que não fica evidente na fachada mas com certeza dá um toque especial no projeto.

 

E por último te mostraremos um projeto personalizado, que foi feito para nossos clientes de João Pessoa – Paraíba. A área interna do projeto possui 181,5m², os terraços verdes contam com 172,3m² e o terreno tem ao todo 360m²!

 

Como te dissemos anteriormente, é essencial que o telhado verde seja pensado já na fase do projeto, como nossos clientes da Paraíba fizeram. Por isso, se optar por fazer um telhado verde – ou um convencional mesmo – não hesite em contar conosco para dar esse primeiro passo para você ter a casa dos seus sonhos!

Rafaela

Graduanda em Engenharia Civil Empresarial pela Universidade Federal do Rio Grande (FURG) e membro do Diretório Acadêmico do curso. Ela é natural de São Paulo/SP, atualmente cria conteúdos para a 123Projetei e é fã de carteirinha de Friends e The Beatles!

Deixe uma resposta